Quando os CTT inventam

Devolução

Só posso agradecer a imensa amabilidade que o Armand tem tido para comigo.
A encomenda esteve por Portugal em Janeiro e voltou ao Estados Unidos nesse mesmo mês, regressou para ficar na semana passada.

Livra!

This entry was posted in Moleskine. Bookmark the permalink.


3 Responses to Quando os CTT inventam

  1. Dextro says:

    A mim nunca me aconteceu nada desse estilo que eu saiba.
    Desde que mudei de casa notei que as cartas demoram um pouco mais a chegar do que antigamente mas é apenas isso 😕

  2. ricardo says:

    A mim foi a primeira vez que me aconteceu,…
    O motivo de nao ter recebido a encomenda da primeira vez foi devido a nao ter recebido o postal para levantar a mesma.

  3. Rui Moura says:

    Essa encomenda já teria muita coisa para contar 🙂 … Eu por acaso já tive assim umas experiências desagradáveis com os senhores dos ctt, e a coisa tende a piorar a olhos vistos.