Wearables assaltam finalmente a #ces2015!!!

Garmin_vivofit_2_Group_Shot

Nunca tivemos ao nosso alcance tantos aparelhos a motivar-nos e a medir a nossa actividade corporal como em 2015.
Espera-se que durante a edição deste ano do CES, surjam enumeras propostas!

A imagem que dá cor a esta entrada é do novo Vivofit 2 da Garmin.
Possui uma bateria com vida útil de cerca de um ano e é resistente à água até 50 metros. Mais informações aqui.

glif: tripod mount and stand

Graças ao Kickstarter, o GLIF será em breve uma realidade!
Será coincidência um outro artigo a mencionar o Kickstarter?

O GLIF é um acessório para o iPhone 4 com duas funções principais: a montagem do iPhone num tripé padrão e ser utilizado como um kickstand para sustentar o iPhone num determinado ângulo.
Não sendo possuidor até à data de um iPhone descobri este acessório pelas fotografias do Mike, assim pedi-lhe autorização para publicar as mesmas para poder fazer este artigo sobre o GLIF.

gliff - photo by Mike?
Fotografia publicada com autorização doMike.

Nas imagens pode ver-se o GLIF em acção, neste caso trata-se do prototipo 3D.

A ideia para o GLIF surgiu pelos seus autores acharem que o iPhone 4 possuía uma fantástica câmara fotográfica. E agora com a gravação de vídeo HD e da fotografia HDR (High Dynamic Range) precisavam algo onde colocar o iPhone convenientemente.
Pela forma como a Apple desenhou o iPhone, tão minimalista, este não contem nenhuma furação para o fixar a um tripé – padrão que quase todas as camaras fotográficas e de video dispõem.
A solução para montagem de um iPhone num tripé existe (DIY ou não), mas segundo eles estas têm geralmente os inconvenientes de serem volumosas e pesadas.
O objectivo deles era criar algo pequeno, simples e elegante.

gliff - photo by Mike
Fotografia publicada com autorização do Mike.

O GLIF resulta do trabalho de Tom Gerhardt, um hardware e software developer e Dan Provost, um interaction designer/blogger.

Neste momento a angariação de fundos já terminou com sucesso e a sua comercialização já está em marcha.

PeekFON

get peek
http://www.flickr.com/photos/kukkurovaca/ / CC BY-NC-SA 2.0

Quando o Martin lan?ou no seu blogue a pergunta sobre o Peek, a mesma n?o foi inocente.
Como se pode ver, um blog pode funcionar como tubo de ensaio, podem-se poupar milhares de Euros em estudos pr?vios.

Obtendo ele um feedback rapidissimo, pois possui um?blogue bastante popular, a quest?o lan?ada ficou respondida e pode ultimar de certeza as conversa??es com a marca a fim de a lan?ar sobre a al?ada da FON na Europa.

O anuncio do lan?amento no passado dia 9 de Dezembro do?PeekFON em plena?LEWEB obviamente tamb?m n?o ? um mero acaso.

Assim sendo iremos ter o?PeekFON ? venda atrav?s da?FON por 99?, este valor inclui o equipamento e a sua utiliza??o nos primeiros seis meses, depois do sexto m?s cada mensalidade ? de 12,40? para uma utiliza??o ilimitada na Europa para o envio e recep??o de emails, sem a necessidade de roaming nem de contratos. Pelo que entendi, podemos cancelar o pr?prio servi?o sem sermos?penalizados por isso.
Ser? apenas poss?vel?ter duas contas de emails distintas configurados no peek.
Quanto ? bateria do peek informam que para uma utiliza??o normal dura entre quatro a cinco dias, a mesma fica carregada ao fim de duas horas.

Ser? uma ferramenta preciosa essencialmente para quem viaja com relativa?frequ?ncia?na Europa e n?o prescinde do email e n?o quer ter surpresas na sua factura de telecomunica??es.

Tweet-a-Watt

Tweet-a-Watt
Fotografia de Phillip Torrone.

Using “off-the-shelf hardware”, we have modified a Kill-a-Watt(TM) power meter to “tweet” (publish wirelessly) the daily KWH consumed to the user’s Twitter account (Cumulative Killowatt-hours). We are releasing this project as an “Open source hardware” project – in other words, anyone can make these, modify them and make a commercial product from the ideas and methods.

Um fant?stico hack para ser posto em pratica em toda as casas. Eu gostava de ter uns quantos.
Este hack de Phillip Torrone da Make e da Adafruit Industries, est? sob vota??o no Greener Gadgets Competition.

Podemos ir seguindo os consumos via Twitter em twitter.com/tweetawatt.